top of page
  • Gazeta Web

Polícia Federal cumpre mandados de prisão em Alagoas e mais 14 estados contra fraudes no Enem

Segundo a PF, cumprimento das medidas se deu de forma a não causar qualquer tumulto ou atrapalhar a concentração dos participantes do certame

Foto: Reprodução

Policiais federais e outros órgãos cumpriram, nesse domingo (13), 30 mandados de prisão em aberto contra candidatos em Alagoas e em mais 14 estados, relacionados a possíveis fraudes no primeiro dia de provas do Enem [Exame Nacional do Ensino Médio] 2022.


Segundo a Polícia Federal (PF), o cumprimento das medidas se deu de forma a não causar qualquer tumulto ou atrapalhar a concentração dos participantes do certame.


As ordens tinham como alvos candidatos do Amapá, Amazonas, Bahia, Espírito Santo, Maranhão, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Paraná, Rio de Janeiro e São Paulo, além de Alagoas.


A Operação Integridade e Logística foi coordenada pela Secretaria de Operações Integradas do Ministério da Justiça e Segurança Pública (Seopi/MJSP).


Coube à PF colocar em prática ações de polícia judiciária e de inteligência para a prevenção e repressão de irregularidades, visando à garantia da segurança e lisura na realização do certame.


Participaram das ações mais de 500 policiais federais, distribuídos em todos estados da Federação e no Distrito Federal.

0 comentário

Comentarios


unnamed (2).jpg
site.jpg
bottom of page